sábado, 13 de septiembre de 2014

(Portugues) Você Está Passando por um Despertar Espiritual (ou está enlouquecendo)? 1ª Parte


Teleclasse do Círculo Carmesim
Apresentada aos  27 de julho de 2010
Tradução para o Português: Jana de Paula

Esta teleclasse está destinada a qualquer pessoa que esteja enfrentando desafios e dificuldades pessoais durante este intenso tempo de transição. Talvez você se sinta familiarizado com estas perguntas: O quê é o "despertar espiritual"? Quais são os sintomas de um despertar da consciência? Como posso facilitar esse processo? O que acontece quando "desperto"? Como eu sei que não estou enlouquecendo? O despertar espiritual não tem nada a ver com as crenças religiosas, nível de renda ou educação, em que país vivemos ou qualquer outra coisa. Estar em mudança tem a ver com um processo muito natural com o qual muitas pessoas irão se deparar em algum momento de suas vidas.

Traducción al español: GUILLEM TORRAS (http://guillemtorras.wordpress.com)



GEOFF: Bem vindos a esta edição especial da Global Teleclass. Sou Geoffrey Hoppe e aqui comigo esta noite está minha esposa e parceira Linda Benyo.

LINDA: Bem vindos, todos vocês. Esta é nossa segunda vez na Global Teleclass, e estamos realmente entusiasmados.

GEOFF: E digo que é uma sessão especial porque esta noite falaremos do despertar espiritual. Vocês sabem, é um tema muito querido e próximo para Linda e para mim. Viajamos por todo mundo e nos encontramos com milhares de pessoas que estão passando pelo despertar espiritual. É um dos processos mais desafiadores pelos qual uma pessoa pode passar, mas também é uma das experiências mais belas e profundas.


O despertar espiritual é verdadeiramente aquilo que você esteve esperando, mas se não entende o que está passando, você pode pensar que está ficando louco.

O despertar espiritual é um processo completamente natural, e há uma tendência humana de não querer levá-lo a sério, tentar curá-lo, pensar que há algo que funciona mal ou, o pior, pensar que estás fazendo algo errado.

Esta noite falaremos do despertar espiritual. O que é, o que podemos experimentar e quais são os seus efeitos. E o que você deveria fazer em relação a ele.

Temos muito material para cobrir agora, assim que vamos a isso.

LINDA: Estamos entusiasmados que você esteja aqui esta noite e que seremos saber de onde vocês são. Assim, os convidamos a nos enviar um email para speak.angels@gmail.com. No assunto, por favor, escreve seu país, estado e cidade. Nos encantaria saber de onde são e estamos encantados de estar aqui.

GEOFF: E isso nos fará saber que esta linha funciona e que há ouvintes lá fora. estamos sendo gravados pela Global Teleclass e creio que haverá mais de 2000 ouvintes esta noite; assim, vamos tomar um momento para fazer uma respiração profunda e juntar toda esta energia. Sei que tem gente de todo mundo escutando, todos compartilhando a experiência comum de passar pelo despertar espiritual.

LINDA: Tivemos notícia de alguém na Romênia esta tarde e de fato me comoveu e me deixou um pouco nervosa me dar conta que realmente temos pessoas conectando-se de todas as partes. É uma grande surpresa.

E já temos emails chegando. Temos pessoas da Índia, de todas as partes dos EUA. É impressionante ver de onde nos escrevem, então vou me acalmar.

GEOFF: (risos) Ok, bem, mais tarde voltaremos a isso, mas se desejar, nos envie um email para speak.angels@gmail.com e coloca sua cidade, estado e país no assunto.

Algo rápido antes de mergulharmos no tema. Neste programa, não estamos vendendo nada, isto tratará verdadeiramente da consciência do despertar e não queremos interromper isto com nenhum produto ou oferta ou coisas assim. Há, no entanto, alguns produtos grátis. Se você quiser ouvi-los ou lê-los, estão em nossa página web www.crimsoncircle.com/free. São para os ouvintes desta noite e são totalmente grátis. Há informação muito boa neles.

Um dos downloads que normalmente vendemos mas que agora é grátis é o que tratada da depressão. Numa sessão que fizemos com Tobias há alguns anos, ele fala em profundidade sobre o que é a depressão, como afeta a pessoa e o que acontece realmente. Há também uma mensagem preciosa chamada “Uma Carta aos Humanos que Despertam”, que acredito possa ser interessante para todo mundo esta noite. E, finalmente, outro documento chamado “12 Sinais do Despertar de sua Divindade”.

Estes produtos são totalmente gratuitos no endereço que acabo de dizer. Há um breve formulário que pedimos que preencham com seu endereço de email. Não o venderemos nem o daremos a ninguém. É apenas para sabermos quem está ouvindo. Também, como, como explicaremos mais tarde neste show, faremos outra sessão especial de 90 ou 120 minutos em agosto, onde responderemos perguntas dos ouvintes. Esta noite daremos a informação básica, mas faremos uma sessão especial para continuar com o tema. Será em nossa página web do Círculo Carmesim. Será uma transmissão via Internet em Agosto, e iremos lhes enviar um aviso.

Assim que vamos ao tema: o despertar espiritual.

Como informação prévia, quero lhes dizer que Linda e eu iniciamos o Círculo Carmesim em 1999. Nesse momento tinha o enorme prazer de trabalhar com um maravilhoso anjo chamado Tobias. Linda e eu passamos muito tempo falando e trabalhando com Tobias, e suas mensagens foi o que nos levou a criar o Círculo Carmesim. Deixamos nossos negócios em 2001 e nos dedicamos a viajar por todo mundo a canalizar Tobias e mais tarde Adamus Saint-Germain.

Desde então, o Círculo Carmesim se converteu numa grande afiliação de humanos despertando. Nossa informação está traduzida em 23 sites web internacionais, há vários livros que escrevemos no mercado e, é claro, milhares de páginas de informação grátis sobre a Nova Energia em nosso site na web.

A razão porque menciono isso esta noite é porque, através de nossas viagens, que ultrapassam 100 mil milhas ao ano, encontramos com dezenas de milhares de pessoas, da Coréia à Áustria, Israel, Colômbia, Alemanha, Finlândia, Japão, onde quer que seja. E em todos esses lugares temos tido o prazer de nos encontrar com gente que tem uma coisa em comum: estão passando por um despertar espiritual.

LINDA: Temos tido uma experiência incrível com isso. Em todas as culturas, em todo os lugares, há este elemento comum, onde verdadeiramente a gente pode se unir através desta característica do despertar espiritual, e muitos querem conhecer e se juntar ás pessoas que estão vivendo este tipo de experiência.

GEOFF: Tem sido um prazer e uma alegria para nós encontrar-nos, compartilhar y falar com muitos humanos acerca da experiência que é passar por um despertar espiritual.

E suponho que isso traga a questão: o que é o despertar espiritual?

Bem, o despertar espiritual é um processo de ir além dos limites do corpo e da mente e se reconectar conscientemente com o Eu de sua Alma, ou o que você pode chamar de o Eu de seu Espírito, conectar conscientemente com sua Fonte, enquanto ainda estás num corpo humano, enquanto ainda passa pelas experiências num corpo físico numa vida na Terra.


LINDA: Eu gostaria de fazer um convite. Há muita gente se conectando. Muita gente que conhecemos e muita gente nova. Eu gostaria de convidá-los a fazer uma respiração profunda, e se vocês são novos e ainda não ouviram muito sobre o Círculo Carmesim e de algumas das coisas que fazemos, os convido a deixar de tentar definir por palavras e permitam se desapegar por um momento e sentir sobre o que estamos falando, sem que as palavras sejam uma distração. Ás vezes, colocamos etiquetas nas coisas. Convidamos vocês a deixar isso ir.



GEOFF: Sim, porque todo mundo utiliza algo diferente, chamem de o Espírito ou o Eu Sou ou Eu Verdadeiro, o que seja, mas creio que poderíamos dizer que é o Deus Interior.


Assim, de dono, o despertar espiritual é o processo de ir além dos limites do corpo e da mente, conectando conscientemente com o Deus Interior. Leva você além da identificação que tem tido com seu aspecto humano, até uma consciência expansiva, do Eu Sou ou a Fonte.

Sabe, realmente tendemos a nos identificar como o humano, o nome que temos na nossa Carteira de Motorista, com a encarnação que somos nesta vida. Isso de torna nossa identidade e há uma tendência a querer solidificar essa identidade e tornar essa identidade maior e mais importante. No entanto, no despertar espiritual se trata, de fato, de reequilibrar a identidade, devolvê-la ao equilíbrio com a Fonte, com o Eu Sou, com seu Eu Interior.

É interessante o que temos aprendido nos anos viajando pelo mundo e conhecendo gente: o despertar espiritual não é algo religioso. Não se trata de se tornar religioso. Conhecemos pessoas que são muito religiosas e que não necessariamente iniciaram um verdadeiro despertar espiritual. O despertar espiritual não é Nova Era. Se você é Nova Era, lê livros da Nova Era ou, ainda, canalizações, isso não implica necessariamente um despertar espiritual. O despertar espiritual não é algo filosófico. De fato, a melhor maneira de defini-lo é dizendo que está além das palavras. Há uma tendência de querer ser muito filosófico, esotérico, religioso ou também espiritual. Utilizar muitas frases e clichês e coisas assim, mas, você sabe, de fato temos descoberto que o despertar espiritual realmente transcende tudo isso: não é algo religioso, da Nova Era ou filosófico, é um processo profundamente pessoal, uma profunda experiência para dentro de si mesmo.


LINDA: De fato, os rótulos realmente não servem para definir o que é, as etiquetas nos levam a cair num processo mental que pode fazer com seja mais difícil estar nessa unidade, nessa plenitude da alma.



GEOFF: Vimos também que a maioria das pessoas que está passando por um verdadeiro despertar pode ser considerada espiritual sem ser religiosa, inclusive a maioria das pessoas tende a não querer participar de qualquer religião em particular ou conceito espiritual, porque há compartimentos, e o que realmente acontece num despertar espiritual real é que a pessoa vai além desses compartimentos. Você vai além da retórica, além do dogma.


E então fica confuso, porque parte de você quer uma descrição do que está acontecendo, parte de você quer um significado ou compreensão da mente humana sobre o que você está passando, mas a realidade é que vai além da compreensão de sua mente e até mesmo das experiências você tem agora. Vai além de qualquer coisa que você já experimentou ou pensado ou que lhe foi ensinado ou você tenha aprendido até agora. Portanto, pode ser muito desafiador, pode ser confuso, quando na verdade é um belo processo.

Linda, vamos falar por um momento das pessoas que estão nos enviando e-mails. Você poderia nos dizer de onde vêm alguns dos e-mails, onde estão alguns dos ouvintes?


LINDA: É incrível, as pessoas escrevem de todas as partes. Vejo Portugal, Índia, Inglaterra, Costa Rica, todos os estados dos EUA, México, Canadá, Finlândia.



GEOFF: Realmente de todo o mundo.



LINDA: É emocionante. Eslovênia (risos), Hungria, muita gente que não conhecemos e alguns conhecidos a quem queremos muito e que nos estão enviando emoticons e sorrisos.



GEOFF: Bem, se tivermos tempo, no final do programa, vamos falar um pouco mais, mas, agora vou simplificar, vamos agora falar sobre como isso funciona.


Primeiro ponto: você veio à Terra muitas vidas atrás. Você descendeu a sua energia angélica. Você criou uma realidade física, você teve um nascimento e um processo de encarnação. Tudo isso foi maneiras de sua alma, sua origem, se expandir, preencher e experimentar. Você veio aqui porque você escolheu. Nenhum de nós é um anjo caído ou um anjo negro. Isso não foi um mergulho equivocado na Via Láctea e você terminou aqui na Terra. Foi uma escolha de sua alma a um nível profundo. Você veio à Terra para experimentar a realidade física, para experimentar a si mesmo como uma expressão de Deus em forma física.

Através de todas estas experiências de vidas na Terra adquirimos uma incrível sabedoria; você adquiriu uma incrível sabedoria, em seu Espírito, em seu Ser, em seu Eu como Criador. Aprendeu coisas incríveis sobre o que estar num corpo físico. E isto implica ter as limitações do espaço e do tempo. Significa ter emoções. De fato, foi uma escolha muito bela.

Através destas experiências de muitas vidas, desenvolvemos algo que se pode chamar HA-RAM. Esta é uma palavra que Adamus Saint-Germain me deu, há pouco. HA-RAM. Isto significa sentimentos de culpa, separação, desejos não cumpridos, feridas, todo este tipo de emoções e sentimentos. Bem, esta coisa que ele chama HA-RAM cria a necessidade ou o desejo de – é como uma força que o atrai – voltar para mais vidas na Terra para encontrar resolução, não para encontrar castigo. Não voltamos porque estamos presos, mas para resolver estas coisas que nos mantiveram neste ciclo de vidas na Terra. E, de novo, é um termo que Adamus Saint-Germain me deu há pouco, chamado HA-RAM. Me soa como Karma, mas ele disse que é um pouco diferente.

Através destas experiências de muitas vidas, também desenvolvemos fortes conexões de amor com outras pessoas, um amor pela Terra, um amor pela realidade física. De forma que temos todos estes fatores que nos mantêm aqui na Terra e fazem com que encarnemos várias vezes.

No entanto, num ponto determinado, depois de muitas vidas, há algo que desperta no interior. De alguma forma, poderíamos dizer que a consciência de seu Eu Sou ou a consciência de sua Fonte começa a se sentir afogada ou sufocada ou aborrecida. De fato, uma das características do despertar é um sentimento de tédio; inclusive que sua vida seja muito agitada, você vive numa sensação de tédio, porque a consciência de seu Eu Sou passa a se sentir aborrecida e descontente e começa a buscar uma saída. Sabe que já é hora de soltar todas estas encarnações na Terra.

Há alguns anos, Tobias, um anjo com quem trabalhamos até julho do ano passado (2009), disse que nós, de fato, havíamos como que plantado, desenhado um mecanismo de saída em nossa consciência. Ele chamou a isso de o Fruto da Rosa. Isto era realmente um sinal ou um lembrete para todos e cada um de nós, a um nível bastante pessoas, de que já é hora, é hora de deixar ir, é hora de soltar o carma, as vidas repetidas na Terra, é hora de despertar, é hora de florescer. Assim, Tobias chamou a isso de o Fruto da Rosa e disse que está em cada um de nós, porque de alguma forma sabíamos que existia o potencial de nos perdermos, de esquecermos quem somos realmente desde que começamos a reencarnar na Terra. Assim, como anjos, fomos sábios o suficiente para criar este mecanismo de saída, este lembrete é o Fruto da Rosa.

Desta forma, em algum ponto, chegamos a esta decisão interna, que talvez não seja consciente ou mental, esta decisão interna de que já é hora de sair da roda cármica das encarnações.


LINDA: É um entendimento, de alguma forma, essa consciência que estamos a atravessar? É um cenário divertido, incrível.



GEOFF: Sim, e com base na opinião formada depois de ter falado com muita gentes, além de quanto eu e Linda passamos por nossa própria experiência, este é o começo do despertar consciente nesta vida. Bem, seu processo de despertar pode ter começado há algumas vidas, quando você começou a estudas religião, filosofia ou arte, mas do que estou falando, Linda, é sobre o início do despertar consciente nesta vida. Tem sido gestado por muito tempo. tem estado ali. Talvez tenha havido um tipo de acordo consigo mesmo, antes de que você viesse para esta vida, de que esta seria a vida do despertar consciente.


E, então, geralmente, algo acontece, como um primeiro sinal, algo acontece para focalizar sua consciência no processo de despertar. Ouvimos muitas histórias durante todo esse tempo sobre este primeiro sinal e cada pessoa é um caso diferente. Há gente que diz que estava numa livraria e um livro literalmente saltou da estante, ela o pegou e o comprou. E foi algo que os inspirou. Sob meu ponto de vista,li do "Livro I de Kryon I", de Lee Carroll, que me abriu os olhos totalmente e foi uma grande inspiração para mim. Ouvimos de gente que, navegando na internet, sem buscar nada espiritual em particular, de repente se deparou com um tema espiritual, seja o Crimson Circle, Kryon ou Lightworker de Steve Rother ou qualquer outro. Estas pessoas não tinham a menor ideia de como chegaram até ali, mas este foi, como dissemos, o primeiro sinal. Sabe, também acontece quando a pessoa tem uma crise emocional como a morte de um ente querido, um divórcio, a perda de um emprego, porque este tipo de coisas representa um ponto de inflexão, onde a pessoa começa a prestar atenção à sua vida e de repente se encontra neste processo do despertar. Também pode ser um trauma físico, um acidente de carro, uma experiência próxima da morte, ficar doente, contrair câncer ou algo assim, que com frequência são esse primeiro sinal do despertar, de se abrir, porque o faz parar, sair do agulheiro ou do buraco em que está na sua vida humana cotidiana e te leva a considerar que há muito mais sobre o que você realmente é.


LINDA: Assim, que isso não é realmente una festa. Estamos vendo que de fato é muito ao contrario. É algo que faz parar e olhar às coisas um par de vezes. Não é algo para celebrar



GEOFF: Sabe, normalmente, é algo que faz como que você pare e tira você desse agulheiro e de sua rotina de se levantar à mesma hora, comer a mesma coisa todos os dias no café da manhã, ir ao mesmo trabalho. Estas experiências tendem a lhe abrir os olhos.


Também temos ouvido pessoas a quem, literalmente, apareceu um anjo que as visitou no meio da noite;pessoas que estavam caminhando num bosque e de repente ouviam música quando não havia nada que emitisse música.

Há uma ampla variedade de coisas diferentes. Sua experiência é muito pessoal e é apenas sua. Talvez não ocorreu de uma forma abrupta, talvez tenha levado alguns anos, mas normalmente há algo para o que podes retornar e dizer ah! esse foi o momento em que minha vida deu uma virada.


LINDA: É algo muito pessoal, muito pessoal. Há muitas formas de se abrir a isto.



GEOFF: Sim, e nunca encontrei alguém que me contasse "Jesus, vou buscar um despertar ou vou ter um despertar", porque esse tipo de consciência ou de pensamento vem do lado humano e não da verdadeira consciência interior. Não conheço ninguém que me tenha dito "vou planejar meu despertar". Simplesmente acontece e você começa a se desprender.


Parte do problema é que muita gente realmente não se dá conta nesse momento do que lhe está sucedendo. Não entendem que simplesmente é um despertar e tendem a entrar em pânico ou a ter medo e, sabe, uma das paixões de Linda é ajudar a tanta gente ao redor do mundo que está passando por seu despertar a entender do que se trata, a entender que é um processo belo, mas também extremamente transformador.

Assim, que aqui está você; seu processo de despertar começou, a transformação começa e sua muda começa a mudar. É como a crisálida que se fecha no casulo no processo de se converter em borboleta. Pode imaginar uma lagarda verde e gorducha de 16 ou 20 patas que, de repente, um dia começa a se transformar. a entrar nesse casulo e a se tornar um ser sensível? Pode imaginar em sua mente de lagarta o modo pelo que se tem de enfrentar, questionando a si mesma "o que estou fazendo de errado, deveria ter ido mais à igreja, deveria ter rezado mais?". mas se essa lagarta, simplesmente pudesse se dar conta de que está passando por uma maravilhosa transformação em seu processo de se converter numa preciosa borboleta, de múltiplas cores, que pode voar no céu... penso que este seja, provavelmente um dos melhores exemplos para muitos de nós.

E, à medida que atravessamos este processo, como a borboleta, que nos está convertendo num ser sensível pondo nosso mundo para cima, há muito medo, muito questionamento, muita tentativa de voltar para trás, ao invés de permitir que este processo natural ocorra.


LINDA: É um processo muito íntimo e isso é o que também cria o desconforto e as dificuldades do processo, porque é tão pessoal e individual que não é fácil compartilhar com outra pessoa. É realmente íntimo e interior.



GEOFF: Sim. Uma das partes deste processo, uma das partes mais difíceis é que, ao final, você se expandirá para além de sua mente humana.


Isso é difícil porque a mente humana esteve controlando as coisas,dirigindo as coisas, analisado e digerindo tudo; mas, num despertar espiritual, literalmente, você acaba por sair de sua mente. E isso é algo bom, Linda e ouvintes (risadas). É uma coisa boa porque a mente humana, por mais maravilhosa que seja, é um fator limitante.

À medida que você se expande para além da mente humana, da forma humana de pensar, à medida que vai além do cérebro, de repente entra em conexão com seu – como quiser chamar, e aqui surgem de novo os rótulos – Inteligência Divina, o que Tobias chama Gnost. É seu Eu maior. E este Eu Sou, esta Inteligência Divina, não funciona como a mente, não faz o mesmo tipo de análise e juízo, não tem os mesmos processos. É muito diferente. Em primeiro lugar, é extremamente criativa, uma criatividade que talvez você não tenha experimentado antes.

Quando você vai além da mente, não tem a mesma lógica. De fato, esta Inteligência Divina realmente não é lógica. É mais um saber natural. Na Inteligência Divina você não tem que "pensar nas coisas". Na Inteligência Divina você nem sequer tem que perguntar pelo que virá, porque está seguro de que é totalmente apropriado.

Assim que este é um ponto muito importante: no despertar você passará por uma experiência de ir além da mente, e isso pode ser difícil, frustrante, pode estar carregado de medo e tudo o mais.


LINDA: Tratamos sobre se você está enlouquecendo ou passa pelo processo do despertar espiritual. É algo muito incômodo, é muito esgotante e é um processo muito importante. Não faz você perguntar, duvidar e reconsiderar muitas coisas?



GEOFF: Totalmente, e no despertar você vai descobrir o que é sentir de novo. Poderíamos fazer todo um show sobre sentir. Não estamos falando de emoções, mas de consciência sensitiva, consciência, presença.


É incrível para nós encontrarmos pessoas que bloquearam sua forma de sentir, sua consciência das coisas, estão como que empacotados, fechados. Sua consciência sensitiva natural se perdeu – a mente tomou o poder, de alguma forma – e já não sentem a energia.

Há energia em todas as partes, há anjos conosco agora mesmo, e quando você abre seus sentidos, fica consciente de que eles estão aí. Há também isso: você vai abrir seus sentidos e às vezes, isso se confunde como emoção, mas as emoções – de fato foi Adamus quem o disse – são a tentativa da mente de ter sentimentos ou consciência. Não são algo da natureza do nosso espírito. As emoções são muito humanas e, em última instância, muito mentais.

Outro ponto do processo de seu despertar é que o sistema natural de regeneração de seu corpo se ativará. O corpo tem 100% de capacidade de se curar e se regenerar, sem nenhuma terapia ou medicação, sem nada. Você pode fazer isso. Isto tem estado bloqueado durante muito tempo, tem sido suprimido e, durante o despertar, os sistemas de regeneração natural do corpo se ativarão.

Isso soa fantástico mas, você consegue imaginar que, enquanto faz isso, começa a recalibrar seu DNA? Pode imaginar o estresse físico e a mudança física que terão lugar? Passarão coisas com você no físico, que talvez você considere incômodas ou desagradáveis, mas simplesmente é seu corpo trabalhando e mudando. Como dissemos no início do show, o despertar vai além dos limites do corpo e da mente, de forma que estes efeitos físicos e estes sintomas mentais são de fato bastante naturais. Esta é a boa noticia.


LINDA: Mas não se sente dessa forma.



GEOFF: Nesse momento não, mas falaremos disso num momento.


Neste processo de despertar, outra coisa que acontece é o entendimento e a consciência de seu Espírito, de seu Eu Sou, de seu Eu Interior, que floresce.


LINDA: Esta é provavelmente a melhor parte.



GEOFF: Começa a sentir e a estar consciente de seu espírito.



LINDA: E é muito real.



GEOFF: E é interessante, porque não irá encontrá-lo lá fora, em outra pessoa ou numa página web. Estas coisas podem ser boas ferramentas no caminho, mas o que você realmente está fazendo é tomar consciência de sua presença, de seu espírito, de seu Eu.



LINDA: É de uma beleza inesperada. Não quero defini-lo para ninguém, a não ser para mim mesma. Não foi festa e fogos de artifício, simplesmente foi beleza, graça e uma abertura e expansão que eu não buscava e nem sabia que ocorreria. Simplesmente permitir o espaço para o que acontecerá comigo. E sei que muitos de nós temos passado por isso.



GEOFF: Assim que aqui está você, aqui estamos nós no despertar e nas mudanças vitais. Como já disse, você o sentirá em sua mente e o experimentará em seu corpo.


Inclusive sua criatividade adquire uma natureza completamente diferente, uma nova forma de se expressar. Sua criatividade natural, não o que aprendeu na escola, mas sua criatividade natural começa a se expressar no Momento Presente e começa a entrar num equilíbrio muito interessante com sua lógica, sua mente e seu corpo.

Se levar em conta todas estas forças atuando, com seu DNS se recalibrando e tudo o que acontece, não é de se estranhar que às vezes o despertar seja um pouco desafiador.


LINDA: A consciência expandida é o resultado disso e continua a se desdobrar. Não posso me imaginar voltando atrás nesse processo.



GEOFF: Não, não creio que você pudesse, de qualquer jeitito (risos).


Assim que o que Linda e eu queremos realmente compartilhar com todo mundo esta noite é que esse despertar, que não é religioso, espiritual ou Nova Era, é a reconexão ou a conexão consciente com seu Eu Sou com sua Fonte, consigo mesmo. Tudo funcionará. É um processo natural e realmente funcionará. Não é um teste, você não pode errar, ainda que possa fazer algumas coisas que o farão sentir mais incomodo.

Há tudo isso acontecendo em sua vida e Linda e eu queremos agora falar sobre alguns dos sintomas, algumas das coisas pelas quais talvez você esteja passando ou tenham passado, para que saibam não estão sós em seu processo, que estas coisas passam.

Então, aqui está você, neste despertar incrível e belo, e eu sei que gostaríamos de anjos cantando, sinos tocando ao flutuar sobre nuvens e tudo isso, mas a realidade é que algo está acontecendo em sua realidade física na Terra.

Por exemplo, dores no corpo, como nunca antes, e não é porque você está ficando velho. Particularmente nos ombros e costas. A razão para isso, de novo, e isso poderia ocupar um show inteiro - é que a energia em seu corpo agora está começando a fluir de diferentes maneiras, não está seguindo os mesmos velhos padrões de antes, e isso se relaciona com os órgãos, sangue e prana de energia, kundalini, energia espiritual ou o como você o chame. Isso flui de forma diferente. E tende a ficar trancado em áreas onde você tem outros bloqueios, especialmente quando se tenta passar das partes inferiores do seu corpo até a cabeça, e além da cabeça, você tende a se bloquear nos ombros, costas, muitas vezes porque a pessoa torna processo de despertar muito mental.

Próximo ponto. Muito importante. Muitas pessoas já experimentaram mudanças nos relacionamentos. De repente, todas as relações com os amigos, com sua família, com seu parceiro, com pessoas que você conhece há anos começam a mudar. E eu acho natural, porque você também está mudando. Sua conexão com outras pessoas, a sua ligação à realidade física está mudando. Essas relações também tendem a mudar porque num nível muito profundo há desapego de muito do velho carma pelo qual que você conectou com eles. Agora, a má notícia é que às vezes é muito difícil e desafiador deixar as pessoas fora de sua vida ou você deixar a delas. A boa notícia é que você está liberando o carma, e temos visto em muitos casos que você sente que você perde esse relacionamento, mas em muitos casos, ele se transforma de uma maneira totalmente nova, livre de carma.


LINDA: É também um desafio, quando você começa a passar por essa mudança e esse processo, e algumas pessoas não estão abertas para ele. Eles podem sentir as mudanças e ficarem desconfortáveis, e isso gera situações conflitantes nos relacionamentos e provocam evolução. Como você diz, às vezes alguns relacionamentos desaparecem e outros se transformam, quando você deixa ir o carma. Pode ser o fim do relacionamento com uma pessoa que estava lá.



GEOFF: Outro fato muito comum é uma mudança no seu trabalho ou na sua carreira. Isso é algo que aconteceu comigo pessoalmente. E, uma vez mais, é natural. Muitas pessoas de repente estão insatisfeitas no trabalho que tiveram por muitos anos e vão embora, ou eles se deparam com uma mudança de posição ou demissão. É muito desconcertante, especialmente se você depender de que salário. Mesmo se você não gosta do trabalho, de repente você se encontra numa situação em que você quer saber o que você faz a seguir. Novamente, isso é natural, porque esse trabalho foi uma das coisas que o mantinha no buraco, o mantinha preso. Todo o seu ser é abalado em todos os sentidos: emprego, relacionamento e tudo mais.


Este é realmente o momento de tomar uma respiração profunda. Tudo vai dar certo. Realmente funciona. Entraremos nos detalhes num momento, mas Linda e eu queremos continuar com algumas das coisas que temos encontrado e que são muito comuns.


LINDA: Estou tentando falar menos para cobrir mais o assunto. É um tema incrível com muito material.


Também uma das coisas que podem ser mais difíceis é esse sentimento de estar sozinho, mesmo cercado por muitas outras pessoas. Essa solidão, esteja entre pessoas ou não, é difícil e acho triste às vezes, como dói, e há um desejo que a acompanha.


GEOFF: Estamos falando aqui sobre alguns dos efeitos colaterais ou sintomas do despertar. São aqueles que tendem a preocupar a pessoa e causar ansiedade. Diga: O quê está acontecendo?


Concluímos, ao falar com gente de todo o mundo, que são coisas comuns, naturais, parte de um processo; e estas coisas passam, são provisórias, com certeza. Podemos dizer isso por experiência própria.

Como Linda disse, o sentimento de sentir-se só, embora rodeado de gente. Você está se desconectando energeticamente de sua velha identidade, seu velho carma, seu velho Eu e, de repente, há momentos em que se sentirá muito só, embora com pessoas ao seu redor

Outra coisa muito comum é a perda da paixão. Também, a perda sentido ou propósito ou esperança em sua vida, porque em muitos casos a paixão que você teve no passado era mais orientada ao aspecto humano. Essa paixão, esse propósito, desapareceu. Talvez antes sua paixão era ser voluntario num centro local. Talvez jardinagem, viajar… E, de repente, a paixão desaparece e você pode se sentir sem esperança, pensando: e agora. o quê faço? A paixão se baseava em velhas prioridades e está indo embora. Uma verdadeira paixão espiritual entrará em sua vida no momento certo. Você não pode forçá-lo, não pode provocá-lo, mas entrará em sua vida. Assim, esse período sem paixão que você atravessa é um período para respirar e fazer algumas coisas que explicaremos em alguns minutos.


LINDA: Às vezes, a paixão de uma pessoa é criada em resposta a algo, inclusive algo cármico que tinha que fazer. E, uma vez mais, se você perde esta conexão cármica, essa razão que tinha para fazer algo, de repente toda sua ideia, todo seu sentido do que é importante muda completamente, evolui completamente.



GEOFF: Revisemos um par de sintomas mais, rapidamente, para ver se você se identifica com alguns deles. Chorar sem nenhuma razão. Sem razão. Podes estar dirigindo seu automóvel, assistindo TV e, subitamente, está chorando sem saber porquê.


Relacionado a isso há um sentimento de profunda tristeza interior, e você não sabe o que é. e com frequência, vocês têm essa tristeza que os surpreende, a aí vão e falam com outra pessoa. Falam com profissionais que, desafortunadamente – profissionais de psiquiatria e psicologia – nãoo entendem a diferença entre um despertar espiritual e uma depressão emocional convencional. Não entendem a diferença, assim, vocês procuram alguém para falar dessa profunda tristeza interior e não obtém a informação adequada.


LINDA: Quando você vê tudo isso, estas são coisas que a gente associa com depressa,, se realmente não se tem um entendimento do que se passa em seu.



GEOFF: Totalmente. Outro sintoma do despertar são padrões de sono incomuns. Sonhos estranhos e intensos, durante toda a noite; da hora em que se deita até se levantar, se agita e se move. Sonhos em que acorda suando frio ou gritando. Estes também são sintomas muito comuns do despertar.


Outro. Desorientação física. Sentir-se tonto, sentir que de repente não está seguro onde está. Não é que você esteja enlouquecendo. o que acontece é que você começa a se mover entre mundos, começa a se abrir mais além da mente; e durante períodos de tempo há uma desorientação física ou um sentimento que te levará a se perguntar se realmente está aqui.

Mais um, de que falaremos num momento, é a depressão. Eu me pergunto se isso é realmente depressão. Não sei se há outro nome que podemos dar a isso, porque não é como a depressão típica, mas voltaremos a isso em instantes.

Agora quero mencionar um último sintoma comum que as pessoas apresentam. E é um dos mais desafiadores de todos: o desejo de voltar para casa. Um desejo de, basicamente, deixar o corpo físico, deixar esta vida. Um sentimento de que o lar te chama ou que simplesmente você já não quer aqui. Este é difícil, porque quanto mais próximo você experimenta e sente ao Deus Interior, há algo que lhe diz: "Ei, o que estou fazendo aqui na Terra?" Começa a sentir que "talvez tudo terminou, talvez já queira mais encarnar, talvez já tenha cumprido meus contratos ou meus acordos nesta vida. Talvez queira voltar aos braços do Espírito, aos braços do Espírito Interior". Isto é muito comum e, então, começam a pensar que são suicidas, e não é isso. O suicídio tende a ser muito dramático ou emocional, mais triste, mas isto é mais um desejo de voltar para Casa.

Linda e eu queremos compartilhar com vocês esta noite que você JÁ ESTÁ retornando à Casa; e que você pode fazê-lo no corpo físico. Você pode fazê-lo nesta vida, enquanto está aqui na Terra. retornar à Casa não é talvez o fim apropriado, porque a Casa – você mesmo – está voltando á você. Você não tem que voltar para nenhum lugar. Ou seja, se você teve este sentimento, se sentiu culpa por querer ir embora, faça uma respiração profunda, porque você está bem, A Casa está voltando para você.

De modo que você está mudando e estamos mudando. estamos passando de ser humanos a ser humanos com consciência divina. Em alguns momentos você sentirá que está morrendo em seu interior, que está enlouquecendo, mas não é isso. Simplesmente você está passando por um despertar espiritual.


LINDA: Tem razão. E isso é difícil de imaginar, quando se está passando por este processo e descobrindo tudo isto. No entanto, você está bem, e este é o maior desafio, ter a clareza de entender que tudo está bem.



GEOFF: Sabe, tantas coisas estão acontecendo, você está literalmente se expandindo além da mente e todos seus sistemas energéticos estão religando sua forma de fluir.


E mais um par de pontos importantes: você está realmente trazendo muitos velhos assuntos, o que suponho que podemos chamar de carma, ou velhas feridas ou coisas que têm estado reprimidas durante muitas vidas. Feridas e questões que você está trazendo à superfície. Coisas que têm estado ocultas durante muito tempo surgem à superfície. Às vezes isso é esmagador. A razão porque isso vem à superfície é que você está liberando. Realmente esta deixando ir estes assuntos. A energia que está contida neles está sendo transformada de novo em energia pura, energia para lhe servir de uma nova forma. Às vezes chamamos esta energia de aspectos. Estas velhas feridas e temas estão enlouquecendo e de fato vêm à superfície para serem liberados. E, quanto mais atenção você lhes dá, quanto mais drama os proporciona, mais eles tendem a se agarrar a você. Este é o momento de realmente confiar em si mesmo. Falaremos mais um pouco sobre isso num momento.

Este é também o momento de integrar seus aspectos. Seus aspectos são partes de você, de vidas passadas até esta vida. Podem ser aspectos feridos ou aspectos que são altamente funcionais, mas todos os aspectos estão realmente deixando ir a estrutura, a identidade que tiveram de si mesmos. Estão soltando isso para poder voltar para a casa e se integrar com você.

Assim que agora é um bom momento, antes de falar sobre mais alguns pontos, de tomar uma boa respiração profunda.

Linda e eu viajamos por todo o mundo e nos encontramos com dezenas de milhares de pessoas que estão passando pelo despertar. É um processo natural, é um belo processo. É um tempo em que você começa a sabem quem é, a ter contato com o espírito que você é.

Assim, suponho que a pergunta é: o que fazer? Você está despertando, o que fazer?

Bem, algumas coisas: confie em si mesmo, e isso talvez seja o mais fácil de dizer e o mais difícil de fazer, mas confie em si mesmo. Você é Deus também. Está indo da identificação de si mesmo como humano para a reconexão consigo mesmo com um verdadeiro espírito em forma humana. Você é capaz de confiar em si mesmo? Em ninguém mais, em nenhum livro;o, nenhum guru, nenhum anjo, nenhum mestre… Você é capaz de confiar totalmente em si mesmo? É difícil porque a mente entra e começa a dar todo o tipo de desculpas de porque você não deveria fazê-lo. Esse é o momento de tomar uma respiração profunda e confiar totalmente em si mesmo.


LINDA: Uauu, e a mente não se sente ameaçada por isso?



GEOFF: A mente, não quero dizer que se sinta ameaçada, a mente não entende. Foi programada para defender e proteger, e não sabe o que se passa. Quando você confia em si mesmo, isto tranquiliza sua mente. Já não será tão protetora e defensora e, então, abrirá seu fluxo de energia, de forma que o processo ocorra de uma forma muito mais natural.


A outra cosa muito prática que se pode fazer, é respirar muito. A respiração consciente.

Outra coisa muito importante para mim, também é me ancorar na natureza. Sair para um passeio na natureza, me sujar. O exercício físico ajuda a mover muitas das energias internas, de dentro para fora, mantê-las num ritmo, sem que se bloqueiem.

Este realmente não é um momento de se prestar atenção a outros sistemas, a não ser que seja algo que você sinta que está criando. É fácil ficar preso em outra religião, em outro método, em outra prática, em outra rotina e, de fato, é uma grande distração, é uma grande distração. Parte de você se sente bem e diz "sim, eu corro ao redor de minha casa cinco vezes com uma roupa de jersey púrpura e cantando de uma forma determinada", mas, muito disso é distração.

Tente não entrar nessas atividades mentais. Muita gente que conhecemos e que passa pelo despertar, de fato deixaram ler material espiritual durante um tempo ou para sempre, porque querem estar em sua própria experiência, querem sentir seu interior mais do que todos estes estímulos externos e todos os conceitos externos. Em outras palavras, reserve um tempo para estar consigo mesmo.

Outro ponto importante – e uma vez mais, poderíamos falar disso durante muito tempo –, se é possível, deixa de tomar medicamentos, deixe os medicamentos mentais, as drogas psicotrópicas, os medicamentos psiquiátricos.

A depressão é algo pelo que a gente sente que está passado, quando o que se passa é nosso despertar. Não é realmente depressão. Falaremos disso na próxima sessão. Nos sobram 4 minutos.

Os medicamentos que são receitados, em geral são receitados por profissionais que realmente não entendem a diferença entre o despertar e alguns outros – poderíamos chamar – desequilíbrios mentais. Linda está me olhando com a boca aberta. Eu não estou falando de pessoas que tomam estes medicamentos, isso é outra coisa. Eu estou falando que, se você está pensando em tomá-los, se possível, tente não fazer isso.

Primeiro de tudo, e isso é um fato, as pessoas que tomam esses medicamentos mentais, medicamentos para a depressão, acabam tendo maior taxa de suicídio do as que pessoas não os tomam, e isso é um fato comprovado.

Em segundo lugar, Tobias disse anos atrás que essas drogas são como um cobertor, um cobertor frio e molhado sobre seu processo de despertar, e o aplanam o desencorajam. Os altos e baixos que você experimenta durante o despertar são de fato muito naturais, num ritmo que, finalmente, permite que a plena implantação do processo de despertar ocorra. O momento que você começa a tomar os medicamentos a energia é suprimida e, reprimida, essa energia surgirá em outro lugar, mais cedo ou mais tarde. E, mais uma vez, na próxima sessão vamos falar mais sobre o que você pode fazer, mas por favor, tente não tomar esses medicamentos.


LINDA: Se já você já estiver usando medicação, você deve conversar com seu médico sobre o que você pode fazer, mas você nunca deve interromper a medicação sem falar com o seu médico.



GEOFF: Ok, Linda quer fazer esta declaração, com finalidades médicas, no entanto, os medicamentos são muitas vezes prescritos por profissionais que não entendem e muitas vezes para um sintoma que é muito diferente do que você apresenta.


Então, a pergunta, agora que estamos nos aproximando do final da sessão, é: Qual é a diferença entre o despertar espiritual ou apenas estar louco?

Estar louco, que inclui coisas como psicose, neurose, esquizofrenia, depressão, ansiedade, e a lista prossegue, é geralmente o resultado de um trauma que o desconecta da sua Fonte. Algo profundamente dramático que acontece em sua vida e até mesmo começar a desligá-lo da Fonte, o Deus interior. Isto causa a psicose. No final, quanto mais longe você for, mais neurótico ou psicótico ou deprimido sua Fonte Interior se torna. Isto é o que nós normalmente chamamos de enlouquecer.

O despertar espiritual é diferente. O despertar espiritual normalmente é o que podemos chamar de estar deprimido, seu mundo está revolucionado e há uma perda de paixão. Isto é o resultado da forte ligação que você teve com sua identidade humana. O despertar espiritual é como uma perda, é a perda da conexão que você teve com sua identidade humana, mas o que acontece é que, quando você deixa ir o apego ao que você pensava que era, você começa a entender quem você realmente é. Recria ou refaz a conexão com sua Fonte ou Espírito.

O desequilíbrio mental típico é resultado de um trauma que o desconecta de sua Fonte, a Fonte Interior. O despertar espiritual é bem diferente. Na verdade, é liberar os laços com sua identidade humana, para que você possa descobrir e experimentar quem você realmente é. Esta é a grande diferença.

Há muita confusão sobre depressão, sobre ansiedade e sobre a perda da paixão para as pessoas que estão despertando. Confunde-se o despertar com o desequilíbrio mental mais típico, mas o que realmente está acontecendo aqui é que você está liberando o apego à identidade humana.

Vejo que acabou nosso tempo no ar, infelizmente. Poderíamos falar sobre isso por horas, então vamos fazê-lo. Vamos agendar uma sessão especial de 90 minutos ou 2 horas, em agosto. Faremos um webcast no site do Círculo Carmesim. Teremos o maior prazer em lhe enviar uma notificação. Nos envie um email para speak.angels@gmail.com para que possamos lhe enviar a data e a hora.

Continuaremos e falaremos mais de depressão, falaremos mais do despertar espiritual e responderemos às suas perguntas.

Assim, lembre-se que esta noite, se você acessar o site, há 4 produtos que você pode descarregar de graça e escutar ou ler. Está em www.crimsoncircle.com/free

Bem, Linda, estou impressionado como o tempo passou rápido. Sinto o fato de que nós tivemos que ir muito rápido por esse tema, que é imenso; mas espero que as pessoas no mundo inteiro que nos escutam estejam balançando a cabeça e dizendo: "Agora entendo o que tem acontecido comigo" ou "eu sei exatamente o que está passando, por isso, como posso participar e trazer esta mensagem de despertar espiritual para os outros?".

Isto é o que faz o Círculo Carmesim e esta é a razão pela qual nós amamos que você saiba mais e combine às nossas ideias as suas, para permitir que milhões e milhões de pessoas ao redor do mundo que estão experimentando o despertar espiritual, mas não têm nenhuma ideia, saibam o que está acontecendo. É importante trazer essa informação para tranquilizar essas pessoas que não estão enlouquecendo, mas que estão tendo uma experiência espiritual.

E com isso, nós dizemos a todos boa noite ou bom dia, dependendo de onde você está no planeta. Foi um grande prazer estar com vocês aqui. Obrigado e boa noite.

No hay comentarios.: